Caetano Veloso quer realizar live para arrecadar fundos para Boulos e Manuela d’Ávila

by @prflavionunes

O cantor Caetano Veloso foi impedido por uma liminar judicial de realizar uma live nas redes em benefício de Manuela d’Ávila (PCdoB), candidata à Prefeitura de Porto Alegre, capital do estado do Rio Grande do Sul.

A decisão de proibir a live de Caetano partiu da Justiça Eleitoral, provocada por uma ação do candidato Gustavo Paim (PP), adversário da candidata na corrida eleitoral na capital gaúcha. A possibilidade da realização de tal evento foi interpretada pela justiça como um showmício, que é proibido pela legislação eleitoral vigente.

Nas redes sociais, o cantor se mostrou indignado com a decisão e afirmou que a live que seria realizada por ele não se trataria de um showmício, e sim de um evento fechado, com o intuito de arrecadar fundos para Manuela e para Guilherme Boulos, candidato à Prefeitura de São Paulo.

“Não é um showmício. O que nós planejamos (e vamos fazer) é uma live fechada, como se fosse um show dentro de um teatro, que só vê quem paga. Isso vai recolher fundos para campanha dos candidatos que eu apoio, que são Manuela d’Ávilla e Guilherme Boulos” — disse o cantor.

Pr. Flávio Nunes

Postagens Relacionadas

Deixe uma resposta