Setup Menus in Admin Panel

Manuscrito bíblico de mil anos: cultura judaica no Egito

Embrulhadas em papel branco comum, as 616 páginas de Zechariah Ben ‘Anan são um dos exemplos mais completos e preservados da terceira e última seção do Tanach, perdida há quase 40 anos.

“Nos últimos sete anos, ocorreu uma mudança significativa na percepção do passado da comunidade judaica no discurso público no Egito e na posição do governo egípcio”, explicou Meital.

“Assim que Magda Haroun assumiu a presidência da comunidade no Cairo e chegou à posição com uma visão com a qual me identifico completamente: proteger os locais e artefatos judaicos locais e torná-los abertos e disponíveis para vários usos, incluindo visitas, atividades e estudos culturais”, continuou.

Manuscrito de Zechariah Ben’Anan. (Foto: Yoram Meital)
Manuscrito

A Sinagoga Moshe Der’i, onde o manuscrito foi descoberto, não era o local original. Durante séculos, o artefato foi alojado na sinagoga Dar Simha, mais antiga, pertencente à mesma comunidade: os karaitas.

Para estudar o manuscrito, o professor fez um período sabático no Centro Herbert Katz de Estudos Judaicos Avançados da Universidade da Pensilvânia.

“Eu me concentrei no conteúdo e na forma, incluindo as correções implementadas no texto bíblico”, disse ele ao Post. “Além disso, o manuscrito apresenta 12 páginas extras com uma marcação semelhante ao índice da Massora [uma coleção de notas explicativas da Bíblia], os nomes do escriba e do homem que encomendou sua obra, algo muito raro.”

Meital destacou que a redescoberta do manuscrito oferece uma importante oportunidade para lançar luz sobre o projeto geral de restaurar e trazer a herança cultural judaica de volta a bom termo, especialmente hoje quando apenas um punhado de judeus vive no Cairo.

*Da Redação, com informações do Jerusalém Post

Print Friendly, PDF & Email

0 responses on "Manuscrito bíblico de mil anos: cultura judaica no Egito"

Deixe uma resposta

Instituto Gamaliel © ITG . All rights reserved.

Setup Menus in Admin Panel

Pular para a barra de ferramentas