Pandemia afeta saúde de empresas e facilita fusões

by @prflavionunes

O risco médio de falência aumentou nos primeiros dois trimestres do ano, segundo indica levantamento da Universidade Presbiteriana Mackenzie

A piora da saúde financeira das empresas durante a pandemia tende a contribuir para um aumento de fusões e aquisições no Brasil no curto e no médio prazos. O risco médio de falência aumentou nos primeiros dois trimestres do ano, segundo indica levantamento da Universidade Presbiteriana Mackenzie a partir de dados das 347 empresas públicas listadas na B3. Além do real desvalorizado frente ao dólar e de taxas de juros baixas, uma leva de até 3 mil pedidos de recuperação judicial no período de 12 meses iniciado em março deve aquecer o mercado de fusões e aquisições, sustenta a Alvarez & Marsal (A&M).

Pr. Flávio Nunes

Postagens Relacionadas

Deixe uma resposta